Notícia

Leite - 25/08/2021 - Levantamento vai confirmar nova queda do número de produtores de leite


Emater faz contagem a cada dois anos

O Rio Grande do Sul observou nova diminuição no seu número de produtores de leite entre 2019 e 2021. A informação vai constar do Relatório Socioeconômico da Cadeia Produtiva do Leite 2021, que será apresentado no dia 8 de setembro, às 14h, durante a 44ª Expointer, na Casa da Emater, no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio. Responsável pelo estudo, o assistente técnico regional da Emater/RS-Ascar, Jaime Eduardo Ries, não antecipa o percentual, mas admite que a redução vem se mostrando de forma clara desde 2015, quando foi publicado o primeiro relatório.

Naquele ano, a Emater contabilizou 84.199 produtores que entregavam leite para indústrias, cooperativas e queijarias. No relatório seguinte, em 2017, a quantidade caiu para 65.202. Em 2019, o contingente passou a ser de 50.664 e mostrou que 33.535 produtores gaúchos haviam deixado a atividade.

Entre 2015 e 2019, o rebanho leiteiro também encolheu no Estado, de 1.169.158 animais produtivos para as indústrias, cooperativas e queijarias, para 925.514.

Segundo Ries, ao mesmo tempo em que reitera a queda do número de produtores ativos, o relatório de 2021 evidencia a profissionalização daqueles que seguem na atividade, com a adoção de sistemas de maior eficiência produtiva.

Fonte: Correio do Povo

Foto: Arquivo Guia Crissiumal

Postado: Clécio Marcos Bender Ruver
Vídeos

Bem Estar Natural em novo endereço




Posse Prefeito e Vereadores