Notícia

Leite - 22/05/2018 - Se greve continuar, metade do volume de leite do RS poderá deixar de ser recolhida


Projeção é do Sindicato das Indústrias de Laticínios e Produtos Derivados do Estado

Considerada mais intensa do que as mobilizações anteriores dos caminhoneiros, a greve em protesto contra a alta dos combustíveis já provoca apreensão em razão dos prejuízos que poderá causar. O Sindicato das Indústrias de Laticínios e Derivados do Estado (Sindilat-RS) estima que se o movimento não for encerrado até o final desta terça-feira (22), amanhã não será possível buscar leite nas propriedades.  O presidente da entidade, Alexandre Guerra, projeta que metade dos 12,6 milhões de litros de litros recolhidos diariamenteno Rio Grande do Sul, possam ficar nas propriedades.

–  A partir de amanhã (23), se não conseguirmos transportar o produto que está nos postos de resfriamento, não temos como recolher leite na casa dos produtores – afirma Guerra. 

Há caminhões parados com leite cru nas estradas, situação que preocupa porque o transporte tem de ser feito dentro de 48 horas, da propriedade até a indústria. Depois desse prazo, a qualidade fica comprometida e o produto poderá ter de ser descartado. Além disso, os postos de resfriamento estão cheios, justamente porque os veículos não conseguem sair, inviabilizando o escoamento. É por essa razão que as empresas não poderão fazer a coleta amanhã (23), caso a paralisação se mantenha.

Também há veículos com produtos processados impedidos de circular. Outra preocupação é com o fornecimento de insumos, que também poderá ser afetado.

– Neste ano, a situação é muito mais delicada. Entendemos que pleito é legítimo, mas infelizmente o setor lácteo já vem sofrendo há tempo – lamenta o presidente do Sindilat-RS.

O setor de carnes também está preocupado. Em nota, a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), afirma que "a continuar este quadro, há risco de falta de produtos para o consumidor brasileiro".  Também cita que "animais poderão morrer no campo com a falta de insumos".  Já há relatos de frigoríficos com o abate suspenso.

"Contratos de exportação poderão ser perdidos e há um forte aumento de custos logísticos com reprogramação de embarque de cargas. Os prejuízos para o setor produtivo e para o país são incalculáveis", acrescenta a entidade.

 

Fonte / Foto: ZH

Postado: Leila Ruver
Vídeos

Pré-Assembleia Cresol Crissiumal 2019




Café com Negócios ACI




Sábado - 02/03/2019 Baile da cuca e linguiça com grito de carnaval

Escola Uruguai de Esquina Gaúcha, alusiva ao aniversário da escola.Animação Cia do Trombone.Fichas a venda R$ 20,00 solteiro e R$ 40,00 o casal.

Domingo - 03/03/2019 Festa da Comunidade São José de Linha Brasil

Missa pela manhã, almoço ao meio dia e boa música na animação.

Domingo - 10/03/2019 Festa de colocação de faixas do Cruzeiro de Lajeado Crissiumal

Jogos de futebol sete pela manhã. Almoço ao meio dia. Reunião dançante com ingresso livre na parte da tarde.

Domingo - 10/03/2019 Festa do Flamengo de Zona Grun

Jogos amistoso pela manhã, almoço ao meio dia.