Notícia

Saúde - 16/10/2020 - RS repassa R$ 31,6 milhões a 101 hospitais para enfrentamento à pandemia


Recursos são de emendas parlamentares federais

Nenhum gaúcho ficou sem leito durante a pandemia e a taxa de ocupação das UTIs não chegou ao limite mesmo no período mais crítico. Muito disso se deve à ampliação em mais de 100% da capacidade de leitos no Rio Grande do Sul e aos investimentos em saúde pública. Nesta sexta-feira (16/10), mais R$ 36,1 milhões repassados pela bancada federal gaúcha foram distribuídos pelo governo do Estado a 101 hospitais.

Mesmo com a gradativa melhora nos indicadores de saúde e capacidade de atendimento, os recursos são necessários para que os hospitais mantenham os serviços. Pelas regras da Portaria da Secretaria da Saúde (SES) 618/2020, o valor deverá ser usado exclusivamente no combate à Covid-19, para aquisições de medicamentos e insumos, locação e manutenção de equipamentos, reforma para adequação de espaços, contratação temporária de pessoal e de serviços de apoio diagnóstico e tratamento, entre outras despesas de custeio necessárias durante a pandemia.

Em cerimônia restrita no Palácio Piratini e transmitida pelas redes sociais, na manhã desta sexta-feira, o governador Eduardo Leite, o vice-governador Ranolfo Vieira Júnior e a secretária da Saúde, Arita Bergmann, anunciaram a destinação tanto dos recursos para a saúde quanto de armamento e coletes para a segurança pública com recursos dos parlamentares federais.

“Tenho muito orgulho de governar um Estado em que a classe política dialoga e define a destinação de recursos conforme as prioridades da sua população. Afinal, depois de eleitos, temos a obrigação de trabalhar conjuntamente, independentemente de diferenças ideológicas. Meu agradecimento especial a todos os deputados federais e senadores gaúchos por compreenderem isso e trabalharem junto conosco para atender à população e fazer do RS um Estado melhor de se viver”, destacou o governador.

Com o novo repasse, a bancada federal já soma R$ 155,2 milhões destinados à saúde pública no RS em 2020, beneficiando um total de 170 hospitais e APAES. De acordo com a secretária da Saúde, graças a esse apoio houve até uma folga de leitos, pois o Estado conseguiu ampliar as vagas de UTI de 933 para 1.882 leitos, um aumento de 102%.

“Com o nosso governo priorizando a saúde de uma lado, desde antes dos primeiros casos de Covid-19 em solo gaúcho, e de outro, com o suporte da bancada federal, chegamos ao dia de hoje comemorando. Por isso, minhas palavras são de agradecimento”, afirmou Arita.

Ainda conforme ela, 100% dos valores repassados pelos parlamentares ao Estado já foram distribuídos aos hospitais e podem ser aplicados no combate à pandemia.

Coordenador da bancada federal, o deputado federal Giovane Cherini destacou que o repasse à saúde e à segurança só foi possível graças à boa aplicação dos recursos no Rio Grande do Sul, porque houve economia em outras licitações e priorização.

“Lá no início da pandemia, retiramos verba de outras áreas e repassamos para combate à Covid, inclusive dinheiro de obras, porque definimos, de forma conjunta, que o mais importante era a saúde. E, hoje, quero reafirmar, em nome dos 31 deputados federais e dos três senadores do RS, trabalharmos por um só Estado, priorizando sempre as demandas da população”, disse Cherini.

Clique aqui e acesse a Portaria SES 618/2020 com a lista dos 101 hospitais beneficiados e os valores.

 

Texto: Vanessa Kannenberg

Edição: Patrícia Specht/Secom 

Postado: Clécio Marcos Bender Ruver
Vídeos

Primavere-se Ju e Ju Modas




Q-Fria entrega picolés Dia das Crianças 2020